Inovação e Tendências

Cenários do futuro

O futuro depende do que fazemos no nosso presente. Portanto, se você fizer um simples processo de elaboração de prováveis cenários para o futuro, com os quais você até pode vir a se deparar, a probabilidade de que você tenha uma vida mais próspera, feliz e produtiva será bem maior.

Quero dizer que para ter uma idéia de como será o futuro, você precisa pensar e analisar como o que você vive no presente irá apresentar-se adiante. Como será o cenário? Como seria cada atividade, cada coisa que você faz e vive hoje, daqui a vinte anos? Já pensou nisso?

Por que isso é importante? Porque já vivemos mudanças que nos deixam cheios de incertezas e também estressados nos dias de hoje. Imagine daqui a alguns anos quando a velocidade dessas mudanças for tão rápida, que será impossível viver sem aprender a conviver com ela! A produção e a absorção do conhecimento passarão a ser mais velozes e intensas, e será necessário tomar medidas preventivas, pelo menos para tornar essas mudanças, quase que instantâneas, menos traumáticas.

Só para você ter uma idéia disso, poucos acreditavam que os computadores fariam parte da nossa vida como acontece agora. Até mesmo o Bill Gates não acreditava! Há 25 anos foi criado o primeiro computador pessoal. Hoje temos 1 bilhão de computadores no planeta e a perspectiva é de que esse número dobre em um quarto desse tempo! Nos últimos dois anos o Brasil passou de 10 para 14 milhões de residências conectadas à Internet.

Pense nas transformações que você já presenciou e no impacto que teve na vida das pessoas. Segundo uma pesquisa da Arthur Andersen, o desenvolvimento do conhecimento humano está crescendo em uma velocidade inacreditável: dobra a cada três anos e, com perspectivas de a partir de 2020 dobrar a cada 73 dias! Veja como tem sido a velocidade da transformação tecnológica que vem ocorrendo em nossas vidas:

Para atingir 50 milhões de usuários:

  • as telefônicas precisaram de 74 anos;
  • as emissoras de rádio precisaram de 38 anos;
  • a indústria de computadores pessoais precisou de 16 anos;
  • as emissoras de televisão precisaram de 13 anos; e os provedores de acesso à Internet somente de 4 anos!

Muitos especialistas acreditam que as mudanças que virão nos próximos cinco anos poderão ser equivalentes às ocorridas nos últimos 50 anos. Então, e o que fazemos hoje? Será que poderá mudar, efetivamente, o nosso futuro?

A resposta é sim, se pensarmos em cenários para esse futuro e tivermos consciência do que pode acontecer, adiante, por meio dessas simulações. É impossível prever o futuro ou não cometer erros quanto a como ele será. Mas, ao mesmo tempo, é fundamental enumerar as possibilidades do que pode ocorrer lá na frente, para estarmos melhor preparados para enfrentar essas novas possibilidades e tomar decisões mais acertadas, ou até mesmo antecipar as nossas ações, e assim, não desperdiçar recursos, tempo e energia.

É necessário fazer uma análise profunda das reações, das conseqüências que os nossos atos de hoje terão amanhã. Informação não nos falta, pelo contrário, em alguns momentos tende a nos atrapalhar, principalmente, se não tivermos foco e objetivos claros para filtrá-las. Portanto, a prevenção e a preparação para tempos turbulentos vêm da elaboração de cenários de futuro com foco, discernimento, objetivos, várias projeções, várias hipóteses, simulando vários resultados e conseqüências.

Receba mais conteúdo de Leila Navarro em seu e-mail!

Topo

Hey! Não perca nossas novidades!

Se inscreva abaixo e receba os melhores conteúdos gratuitos para seu desenvolvimento, promoções, eventos online e muito mais!