Vendas

O vendedor que encara todas as crises

O vendedor que encara todas as crises

Mesmo em tempos difíceis, com disciplina irá vender mais, serviços e produtos, atingindo seus os objetivos

Será que você tem pensado da forma correta nestes momentos de dificuldade nos quais você passa?

Se temos orgulho da profissão que nos sustenta e mantém nossa família dentro dos padrões aceitáveis de vida, se existe dentro de um vendedor o prazer em dar lucro à empresa, pois pensando assim garante sua estabilidade pessoal de garante principalmente seu emprego. O verdadeiro vendedor, neste momento saberá ter a disciplina, a vontade, o prazer pelo novo que o motivará em direção ao aprendizado das novas técnicas de vendas necessárias à adaptação do momento e isso será eterno na profissão de vendedora diferença sempre será feita pelos dedicados verdadeiramente, sempre em busca da satisfação dos seus clientes o que na maioria das vezes, satisfaz o próprio vendedor e o faz ter ânimo para vencer os desafios.

Cumprida a etapa do conhecimento que é básico para o vendedor, seguir as literaturas editadas da área e eu tenho certeza que você é, porque está aqui lendo este material, o vendedor terá as melhores armas para que vença a batalha contra a concorrência: atualização constante, a observação das oportunidades e das novas tendências, achando sempre uma saída positiva para suas vendas, seguindo dicas de outros que deram certo e por aí a fora.

Se o vendedor amar o que faz, se tiver disciplina em sua profissão, se estiver sempre concentrado durante as horas de trabalho e quando digo concentrado é ao pé da letra, usando estatísticas se disponíveis, com uma meta em mente e principalmente mentalmente presente, com certeza venderá produtos e serviços, no entanto se estiver focado nas dificuldades, serão elas que o derrubarão certamente. 

Segue então, algumas dicas básicas:

Comporte-se bem - Grande parte das vezes, a venda é perdida por causa do comportamento do vendedor, a forma com que se comporta. Desde os discursos como falar mal de tudo e de todos, citando a concorrência e as dificuldades. Outro dos comportamentos que os clientes não suportam mais é aquele vendedor que age como um simples tirador de pedido e não tem comportamento de parceiro.

Um comportamento indicado é o de aprender ouvir verdadeiramente o cliente sem ansiedade pela finalização aguardando o momento mental do fechamento.

Seja comprometido - Ser comprometido é verdadeiramente participar por inteiro nos andamentos dos seus clientes, dos seus pedidos, da logística da cobrança, ou seja, de tudo aquilo que você tem obrigação em interagir para que dê tudo certo.

Veja bem, isso não significa apenas estar envolvido e sim atuar com comprometimento pessoal nas coisas.

Seja competitivo - Ser competente em vendas, engloba ser também competitivo.

Ao contrário do que pensam, ser competitivo não é falar mal do concorrente e nem levar vantagem ilícita nas conquistas, tampouco competir com o colega da concorrência para ver quem é melhor e sim competir consigo mesmo para ser ainda melhor a cada passo de sua carreira, estudar as vantagens competitivas dos produtos e serviços que você vende e tudo o que pode oferecer competitivamente de melhor, esforçando-se ao máximo para obter o melhor de si mesmo em prol dos seus clientes.

Ao vender aos clientes os estoques comprados pela empresa, o vendedor passará para o concorrente a crise. Crise é sempre o negócio não realizado. Empresas que por meio de um corpo de vendas qualificado, treinado, motivado e principalmente disciplinado, trazem a demanda para dentro de seu negócio, vendem seu produto de forma ética, pensando sempre no longo prazo, jamais estarão em crise.

Seguindo com firmeza estas dicas, tenho certeza que você poderá vender mais e muito melhor, satisfazendo assim seus objetivos profissionais e pessoais cada vez mais.









Receba mais conteúdo de Eduardo Rodrigues em seu e-mail!

Topo

Hey! Não perca nossas novidades!

Se inscreva abaixo e receba os melhores conteúdos gratuitos para seu desenvolvimento, promoções, eventos online e muito mais!